Mais vale a lágrima da derrota, do que a vergonha de não ter lutado. (Bob Marley)

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Compras e Fechamento do mês de Novembro de 2016

   Olá Blogosfera de finanças! a vida tem que continuar, as vezes essas tragédias como o que aconteceu com o avião da Chapecoense, faz a gente fazer algumas reflexões!! Como seria bom já ter uma renda passiva que me garantisse passar mais tempo com a família ou fazer aquilo que gosto, más para isso tenho que continuar os esforços em aportar, mesmo com o salário congelado como o meu e sem perspectiva de aumento a curto prazo.  O mês de Novembro não foi bom para quem tem carteira focada em renda variável. A vitória de Donald Trump e a crise política e econômica voltaram a dar um tom mais pessimista no mercado provocando queda nas cotações das ações e dos fundos imobiliários. 




No início do mês comprei mais um lote de  ações da empresa Totvs ao preço de R$ 25,05/ação. A empresa vem tendo queda em seu lucro devido a fatores como compra de Bematech e busca de sinergia e mudança do modelo de licenças para subscrição, além da crise econômica. Para quem lembra eu tinha ações da Bematech, após a incorporação da mesma migrei para Totvs.


  Depois de mais de dois anos, voltei a comprar ações da companhia de concessões rodoviárias CCR. Resgatei cotas do fundo BB Ações Vale e comprei mais um lote de CCR ao preço de R$ 14,89/ação. Essa empresa trabalha bastante alavancada com uma dívida grande, no entanto vem apresentando lucros consistentes.







RENDIMENTOS

Investimentos Rendimento 
Carteira de ações 9,26%
Fundos imobiliários 4,12%
Fundos de Investimentos 1,27%
Tesouro Direto 0,33%
LCI 0,76%
Poupança 0,65%
CONSOLIDADO MENSAL  4,11%
CONSOLIDADO ANUAL  17,11%

   Carteira de ações mais uma vez perdeu feio para a carteira Ibovespa, queda de 9,26%, fundos imobiliários também com queda de 4,12%. Os fundos de investimentos tiveram rendimento positivo impulsionado pelo BB Ações Vale. No final do mês carteira consolidada negativa em 4,11% e anual positiva em 17,11%.

RENDA PASSIVA

Dividendos de ações: R$ 522,73
Rendimentos de fundos imobiliários: R$ 353,20

Total de renda passiva no mês: R$ 875,93
Total de renda passiva no ano: R$ 6980,21

   Esse foi o segundo mês em termos de recebimento de renda passiva, perdeu apenas para Maio, em que recebi R$ 1311,09. No mês tive recebimento de dividendos da Grendene, CCR, Ecorodovias, Alupar, Hering, Banco do Brasil e Aes Tietê. Quanto aos fundos imobiliários manteve-se constante em relação ao mês passado, pois não fiz compras dessa modalidade. 
   Desejo a todos um último mês do ano com muita paz e saúde, lembrando que ainda dá tempo de cumprir alguma meta traçada para 2016 no começo do ano. Abraço a todos!!



ATENÇÃO: ESSE BLOG NÃO TEM CERTIFICAÇÃO PARA ANÁLISE DE VALORES MOBILIÁRIOS, NÃO OFERECE CONSULTORIA DE INVESTIMENTO E NEM ANÁLISE. TRATA-SE APENAS DE UM DIÁRIO DE UM INVESTIDOR AMADOR.




terça-feira, 29 de novembro de 2016

Força Chapecoense!

    Olá amigos! Para quem me acompanha sabe que gosto muito de esporte e principalmente de futebol, nunca falei o meu time por sigilo mesmo, más sempre torci por um time não muito grande e que via no exemplo  da Chapecoense, o que o meu time  poderia  fazer algum dia,  almejar uma primeira divisão, disputar títulos nacionais e internacionais. 
   Infelizmente hoje acordamos com essa tragédia da queda do avião que levava a delegação para disputar a final da copa sul americana em Medelin na Colômbia. Tamanha comoção no mundo do esporte no Brasil, talvez só a morte do campeão de Fórmula-1 Ayrton Senna. Nesse acidente morreram 71 pessoas, entre jogadores, comissão técnica, jornalistas e tripulantes do avião.   
   Desejo muita força aos familiares de todos os que perderam sua vida, Que Deus na sua infinita bondade possa receber os que se foram para outra dimensão.  
  Declaro luto oficial de 3 dias no blog sem postagens. 

BETO FISCAL 






terça-feira, 22 de novembro de 2016

RENDA PASSIVA DE INVESTIMENTOS

A Renda passiva, aquela em que a receita não depende do nosso esforço de trabalho mensal é um dos meus principais objetivos na minha caminhada rumo a independência financeira. No meu caso, futuramente quando estiver com um bom montante mensal sendo recebido poderei diminuir minha jornada de trabalho para 6 horas ao invés das 8 horas tradicionais ou até mesmo tirar uma licença por interesse particular para tirar um "ano sabático", ficar sem fazer nada,  ou apenas fazer  coisas que te dão prazer, más isso ainda vai demorar.
   No meu caso considero como renda passiva aqueles investimentos em que distribuem os rendimentos, no caso da minha carteira, os dividendos de ações, os rendimentos mensais dos fundos imobiliários e os juros semestrais dos títulos públicos. 
   Não considero como renda passiva, rendimentos de poupança, LCI ou Títulos públicos sem juros semestrais, pois eu teria o trabalho de fazer o resgate dessas aplicações, além do caso da poupança, por exemplo, onde  os rendimentos estarem abaixo da taxa de inflação mensal. 
   Outros ativos que podem considerar como geradores de renda passiva seria um imóvel alugado, debêntures incentivadas com amortização semestral ou anual, participar como sócio passivo de um negócio sem envolvimento gerencial. Para escrever esse post andei pesquisando alguns artigos sobre renda passiva, alguns colocam que marketing multi nível e negócios de internet (blog) geram renda passiva, na minha opinião não, pois esse seguimento a pessoa tem que esforçar, escrever, estudar para fazer as postagem, ou seja gera perca de tempo e capital de trabalho. 
   Estou vendo muita gente oferecendo cursos como " Fique Rico com Dividendos", será mesmo que vale a pena pagar R$ 1000,00 para aprender a ter renda passiva ? Na minha humilde opinião, não. Acho que o investidor tem que estudar para fazer suas escolhas sem acompanhar recomendações de "gurus" da internet.   Na verdade com estudo podemos escolher  boas ações  pagadoras de dividendos e fundos imobiliários equilibrados que pagam rendimentos mensais. Abaixo uma tabela e gráficos dos meus recebimentos de renda passiva desde 2014.
 
Tabela - Recebimento de renda passiva mensal  
 
MÊS/ANO RENDA PASSIVA
jan/14 R$ 52,94
fev/14 R$ 60,27
mar/14 R$ 110,90
abr/14 R$ 344
mai/14 R$ 472,41
jun/14 R$ 635,94
jul/14 R$ 427,01
ago/14 R$ 327,15
set/14 R$ 662,36
out/14 R$ 594,38
nov/14 R$ 305,07
dez/14 R$ 659,45
jan/15 R$ 372,72
fev/15 R$ 279,01
mar/15 R$ 390,20
abr/15 R$ 829,73
mai/15 R$ 818,80
jun/15 R$ 500,50
jul/15 R$ 422,97
ago/15 R$ 522,31
set/15 R$ 469,76
out/15 R$ 528
nov/15 R$ 449,29
dez/15 R$ 750,64
jan/16 R$ 471,39
fev/16 R$ 482,09
mar/16 R$ 439,00
abr/16 R$ 743,13
mai/16 R$ 1.311,09
jun/16 R$ 604,36
jul/16 R$ 467,26
ago/16 R$ 669,42
set/16 R$ 552,63
out/16 R$ 363,91


MÉDIA MENSAL  R$ 502,65
 
 Tabela - Recebimento de renda passiva mensal
 
 Desde 2014, quando mudei os rumos dos meus investimentos trocando o investimento aos poucos dos fundos de investimento para investir diretamente em ações, fundos imobiliários e tesouro direto tenho uma média mensal de R$ 502,65 por mês de renda passiva, cerca de 1/6 dos meus gastos mensais. Acredito que se continuar nesse ritmo dentro de 5 anos, minha renda passiva vai cobrir meus gastos mensais. Continuarei monitorando meus investimentos para realização de trocas e inserções pontuais. Colegas até o final do mês com o balanço e fechamento mensal da carteira do Beto Fiscal.
 

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Pensamentos financeiros

   Olá amigos da blogosfera de finanças, na verdade, sinto em uma família nessa comunidade com pessoas com ideias e pensamentos financeiros parecidos. Alguns com uma estratégia menos arriscada com investimentos maiores em renda fixa e outros mais arrojados com investimentos maiores em renda variável.
   No meu último post, senti muitas criticas pelos investimentos ainda em fundo de investimento e até dei razão para o pessoal que opinou, essa modalidade é péssima para o investidor amador na maioria das vezes devido a altas taxas de administração cobradas pelos gestores e por incluir na carteira ações de empresas ruins. Conforme escrito no post, estou me desfazendo desses fundos, esse mês, mesmo resgatei um pouco de BB Ações Vale.
   Ontem terminou o período de divulgação  de resultados do terceiro trimestre de 2016 das empresas da carteira do Beto Fiscal. Duas empresas apresentaram prejuízos líquidos em seus balanços e até segunda ordem estão com compras suspensas, aguardando o resultado anual para ver se continuo ou saio das mesmas. Banco Pine apresentou prejuízo de 7 milhões de reais no terceiro trimestre, assim como no segundo. Devido a esses prejuízos seguidos, a empresa cortou a distribuição de dividendos. Acompanhando a Bastter.com, sempre falaram para evitar ser sócio de bancos pequenos, tendo bancos grandes com ótimos resultados, Não segui e parece que estou levando o pior. Outra empresa da carteira que apresentou prejuízo no balanço, foi a outrora queridinha dos amantes de recebimento de dividendos, a Eternit, que vem sofrendo muito com a retração do setor de materiais de construção, menores volumes de vendas, baixa utilização da capacidade operacional, comercialização de produtos com menor valor agregado fizeram com que a empresa tivesse um prejuízo de 7.3 milhões de reais no trimestre. 
   Outras empresas da carteira demandam maior acompanhamento nessa recessão econômica como Vale, Natura, Marcopolo e Valid que vem apresentando lucros, más bem abaixo de outros tempos. Seria só a crise ou de fato as mesmas estão apresentando perca de produtividade ? 
   Algumas resoluções que venho pensando seria aumentar o número de empresas na carteira de ações de 24 para umas 26 ou 28 empresas, sei que tem um estudo que a partir de 20 empresas na carteira, o nível de exposição aos riscos inerentes das empresas quase não diminuem. Más tenho percebido que empresas grandes e boas o bastante estão fora da carteira no momento como Banco Itau, Ultrapar, EDP Energias do Brasil, Ambev, BB Seguridade, Cosan, Estácio, Lojas Renner, Raiadrogail, Qualicorp e Localiza. Certa vez li em um livro do "Gustavo Cerbasi", não adianta fugir muito da carteira Ibovespa, parece ser verdade, apesar de gostar muito de small caps, meus resultados em ações tem sido piores do que se estivesse seguindo a carteira teórica do Ibovespa. Até Outubro de 2016 o índice Ibovespa teve rentabilidade´positiva de 35.09% enquanto a carteira do Beto Fiscal teve alta de 25,33%
   Outro pensamento que venho tendo é em aumentar o percentual destinado aos fundos imobiliários na carteira consolidada com aumento de mais ativos de 12 fundos para 15 fundos, aumentando o percentual destinado de 20% atualmente para 25%. Os fundos imobiliários são importante meio de aumentar a renda passiva.
   Os investimentos em si devem trazer tranquilidade e esse é o meu objetivo, aumentando minha renda passiva com aumento de dividendos, rendimentos de fundos imobiliários e juros de títulos públicos. Até o final do ano estarei estudando sobre essas empresas e  tomando minhas decisões. E aí, pessoal, também tem pensado em fazer mudanças na alocação de ativos de sua carteira atual ? 




segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Meus fundos de Investimentos

   Olá turma da blogosfera de finanças, hoje resolvi escrever sobre meus fundos de investimentos, sempre que faço meu fechamento mensal  os colegas me perguntam sobre os mesmos. Esses investimentos junto   com a poupança,  foram as primeiras classes de ativos a entrar no meu portfólio. No ano de 2006 comecei a investir nesses ativos,  na época, achava que investir diretamente em ações gerava muitos custos, não tinha o hábito de estudar muito sobre finanças, só ia aportando nos fundos de investimentos do Banco do Brasil, sem muitos estudos,  já cheguei a ter mais de quinze desses fundos.  
   Os fundos de investimentos são uma reunião de vários investidores que dividem receitas e despesas sendo administradas por um gestor, no caso, dos meus fundos são geridos pela BB DTVM que pertence ao Banco do Brasil.  Existem os fundos que seguem índices e outros com gestão mais ativas. Esses fundos cobram uma taxa de administração para que o investidor não tenha com o que se preocupar,  Será ? . também não recebemos diretamente os dividendos das empresas, os mesmos são incorporados ao patrimônio do fundo para comprar mais ativos. Para quem segue o meu blog, sabe que estou me desfazendo aos poucos, vendendo suas cotas e comprando ações diretamente  e cotas de fundos imobiliários. Quero ver se dentro de mais uns dois anos  me desfaço do restante.  
   Minha alocação atual é de 16% nessa classe de investimentos em relação a carteira total, más a tendência é quase zerar dentro de no máximo dois anos.  

ALOCAÇÃO FUNDOS DE INVESTIMENTOS

Fundos de Investimentos  % Atual 
BB RF PARC 10 MIL 31,35
BB AÇÕES VALE  16,55
BB AÇÕES ALOC ETF 16,52
BB AÇÕES PETROBRAS 13,65
BB AÇÕES TECNOLOGIA 6,6  
BB AÇÕES DIVIDENDOS 5,88
BB AÇÕES SIDERURGIA  5,43
BB AÇÕES CONST. CIVIL  4,02




1- BB AÇÕES TECNOLOGIA:
Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 2.0%
Rentabilidade em 2016: 13,577%
Composição da carteira: VIVT4- 26,46%; LINX3- 19,11%; TIMP3- 19,02%, Outras- 35,41%

2- BB AÇÕES PETROBRAS
Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 2.0%
Rentabilidade em 2016: 109,43%
Composição da carteira: PETR3- 69,53%; PETR4- 30,20%;, Outras- 0,37%


3-BB AÇÕES DIVIDENDOS
Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 2.0%
Rentabilidade em 2016: 26,08%
Composição da carteira: ITSA4- 8,01%; BBSE-7,28%; BVMF3- 5,27%, CCRO3- 5,22%, Outras-74,22%

4-BB AÇÕES VALE
Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 2.0%
Rentabilidade em 2016: 73,32%
Composição da carteira: VALE3- 69,62%; VALE5- 30,15%;, Outras- 0,23%

5-BB AÇÕES ALOC. ETF ( ANTIGO PIBB)
Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 1,559%
Rentabilidade em 2016: 37,64%

Composição da carteira: 
80,22%  IT NOW PIBB IBRX-50 BBDC4- 7,86%; ITUB4- 6,53%, ABEV3-4,70%; Outras- 80,91%
9,84% BB ETF S&P DIVIDENDOS BRASIL: BRAP4-10,6%, BRSR6-7,26%, TAEE11-6,81%, Outras- 75,33%
4,42% IT NOW IFNC-BBDC4: 15,86%, ITUB4-11,63%, CIEL3-10,59%, Outras- 61,92%
 4,11% ISHARES BM&FBOVESPA SMALL CAP: FLRY3- 5,82%; QUAL3- 4,00%, Outras: 90,18%

6- BB RF PARC 10 MIL
Aplicação Mínima: R$ 10.000,00
Taxa de Administração: 0,8%
Rentabilidade em 2016: 9,32%

Composição da carteira:
 75% BB TOP RF MODERADO FUNDO DE INVESTIMENTO RENDA FIXA LONGO PRAZO
 25% BB TOP RF ARROJADO FUNDO DE INVESTIMENTO RENDA FIXA LONGO PRAZO

7-BB AÇÕES SIDERURGIA  
Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 2,0%
Rentabilidade em 2016: 121,8%
Composição da carteira: GGBR4-37,97%, USIM5- 16,5%, CSNA3-12,18%, Outras: 33,35%.  

8-BB AÇÕES CONSTRUÇÃO CIVIL
 Aplicação Mínima: R$ 200,00
Taxa de Administração: 2,0%
Rentabilidade em 2016: 45,75%
Composição da carteira: MULT3-20,04%, BRML3- 19,72%, MRVE3-14,71%, Outras: 45,53%.  

Observações

1-  Esse ano os rendimentos desses fundos de investimentos estão espetaculares, más no acumulado dos  anos , na maioria deles ainda estou no prejuízo.
2- Os fundos BB Ações Siderurgia e BB Ações Construção civil estão fechados para novas aplicações. 
3- Taxas de administração de 2% para comprar índices e ações de uma empresa só é um desrespeito ao investidor.
4- O desconhecimento do pequeno investidor faz com que o mesmo fique em investimentos ruins.
5-Deveria sair tudo de uma vez ou como estou fazendo aos poucos ?



ATENÇÃO: ESSE BLOG NÃO TEM CERTIFICAÇÃO PARA ANÁLISE DE VALORES MOBILIÁRIOS, NÃO OFERECE CONSULTORIA DE INVESTIMENTO E NEM ANÁLISE. TRATA-SE APENAS DE UM DIÁRIO DE UM INVESTIDOR AMADOR.



quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Compras e Fechamento de Outubro de 2016.

   Olá amigos da blogosfera de finanças e anônimos que gostam do assunto finanças e investimentos. Mais um mês de ótimos rendimentos com subidas fenomenais das minhas ações e da minha carteira de fundos de investimentos atrelados as ações. Em contra partida a renda passiva foi decepcionante, minhas ações não pagaram nem 10,00 de dividendos, esse mês, se já estivesse na independência financeira, seria um daqueles, em que teria que vender alguns ativos para sobreviver.


Durante um mês comprei mais um lote da Mahle metal leve, empresa fabricante de peças para motores e filtros de automóveis. Trata-se de uma empresa com ótima distribuição de dividendos e com lucros consistentes, mesmo na crise atual. Comprei ao preço de R$ 21,98. Agora tenho 3 lotes completos de Leve3. Dia 09 de Novembro sai o resultado trimestral.



          No mês também comprei mais 25 cotas do fundo imobiliário Edifício Galeria, localizado no Rio de Janeiro, o fundo tem lutado contra problemas de vacância e de inadimplência. Comprei ao preço de 60,25 por cota. O Edifício está localizado em um bairro histórico com bons vizinhos, bancos, lojas de roupas, grifes. Vamos ver se minha aposta traga bons resultados no futuro para compensar a baixa distribuição de rendimentos. 


 RENDIMENTOS MENSAIS

Investimentos Rendimento 
Carteira de ações 6,07%
Fundos imobiliários 3,10%
Fundos de Investimentos 10,72%
Tesouro Direto 0,59%
LCI 0,77%
Poupança 0,59%
CONSOLIDADO MENSAL  4,72%
CONSOLIDADO ANUAL  22,45%

  O mês foi muito bom em termos de rendimentos, carteira de ações, fundos imobiliários e principalmente meus fundos de investimentos do Banco do Brasil ajudados pela subida de Petrobras e Vale. Carteira consolidada teve alta de 4,72% impactada por rendimentos razoáveis de poupança e tesouro direto. 

RENDA PASSIVA

 Dividendos das ações:  R$ 9,68
Rendimentos dos fundos imobiliários: R$ 354,26
Total de rendimentos: R$ 363,94.

 O rendimento pífio de ações no mês foi o menor do ano, apenas Odontoprev e Bradesco pagaram alguma coisa, ao menos as ações se valorizaram em Outubro. amigos, era o que tinha para hoje, um abraço  e bom mês de Novembro para todos.



 

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

O ser invisivel e como isso influencia em sua carreira e vida

   Olá turma! Essa semana estava refletindo sobre meu jeito de ser! Sempre fui muito introspectivo, sério, um tanto anti social e tímido. Na infância e adolescência até tinha muitas amizades, más a partir do momento que fui ficando velho, fui distanciando dessas amizades, como cresci em um bairro mais humilde, a maioria dos meus amigos foram trabalhar em empregos de pouca exigência estudantil, enquanto fui para a faculdade, ou seja cada um foi  tomando rumos diferentes na vida. 
   Durante a época de faculdade, enturmei com alguns colegas, mais parecidos comigo, os estudiosos da turma  e também os mais tímidos. Após a formatura tive que ir para o mercado de trabalho. Essa fase foi a mais complicada, entrevistas, dinâmicas de grupos, "Quem indica", passar por recursos humanos, viagens. Demorei a passar nessas entrevistas. Até que depois de 6 meses de formado consegui passar em um trainee de uma empresa pequena regional fabricante de produtos da minha formação, no começo trabalhei na indústria e laboratório da mesma, lá consegui ficar por uns 6 anos, ganhando um salário não muito bom, más que me deu experiência na área, No último ano me transferiram para a área comercial, como não era o meu forte as vendas não consegui bons resultados e acabei sendo demitido em uma crise na metade da década passada. 
Após essa demissão, refleti e percebi que pelo meu jeito de ser, já mais velho, seria complicado de passar nessas dinâmicas de grupos, também não iria ganhar muito. Então vi que concursos públicos seria a minha solução. Fiquei 1 ano aproximadamente estudando em casa e passei para um cargo técnico em uma prefeitura. Não ganhava tanto, más dava para conciliar estudos e trabalho, fiquei nesse emprego por uns 4 anos até que passei no atual cargo de fiscal estadual, onde estou por 6 anos. 
   Pessoal,  o título da postagem " ser invisível", as vezes é assim que me sinto. Qualquer postagem que faço tem poucas curtidas no facebook, sou pouco chamado para festas na família ou de  colegas de emprego. Devido a minha seriedade no trabalho e o rigor fiscal em que trabalho, colegas fiscais tem um certo receio em fazer dupla comigo e por aí vai....Depois de velho, talvez seja tarde para mudar o jeito de ser, más sinto que tenho que mudar um pouco, melhorar, ser mais comunicativo até para ter uma vida melhor e mais alegre.Minha ex esposa falava a mim que eu tinha que tomar esses anti depressivos, ansiolíticos para se soltar mais....
   Alguém que está lendo esse post, as vezes   se sente como invisível na sociedade, pensa em fazer algo para mudar e o que ? 


Pessoal, ontem 20/10/16 foi publicado o balanço do terceiro trimestre da Grendene, mais um bom resultado: Aumento de 10% no lucro líquido para 150 milhões de reais. Aumento na margem líquida para 28,1%. O que mais me impressiona nessa empresa é o seu caixa líquido de 1,5 bilhões de reais. No trimestre os resultados financeiros de atividades de hedge e juros das aplicações positivos minimizaram a queda de Ebitda 
Também foi anunciado a distribuição de 0,25 reais de dividendos a serem pagos em Novembro. 


Pessoal, Desculpe a postagem fugir ao tema principal do blog, obrigado e até a próxima.